Cadeira 42: Josinaldo Lopes

 

 

O poeta Josinaldo Jose Lopes silva. Nasceu na cidade de Floresta-Pe no dia 07 de Novembro de 1998, filho de Jose Pergentino da Silva e Susana Inês de Sá Lopes. Funcionário do setor privado e apaixonado pelas belezas do sertão. Desde criança amava declamar as poesias dos folhetos de cordel que encontrava, mas, foi na adolescência que começou a escrever seus primeiros trabalhos como poeta, alguns deles são : A força do meu Nordeste, a gente nasce sem pedir também morre sem querer, o Brasil não vai para frente com essa corrupção. Josinaldo Lopes procura descrever em versos os encantos e sentimentos de toda a sua Terra.

Patrono

 

Zé de Mariano

 

 

O poeta José Anchieta de Lima( Zé de Mariano). Nasceu na cidade de Tabira- Pe no dia 10 de Abril de 1953, filho de Mariano Pereira de Lima. Sua vida poética teve início em 1980, assistindo aos cantadores de viola nas cantorias
De pé de parede e nos festivais de violeiros de sua terra natal e de outras cidades do Pajeú. Visão sertaneja foi o seu primeiro e único livro, editado pelo desafio Art e Gráfica, Serra talhada- Pe.

O poeta Ze de Mariano deixou a poesia de luto no dia 02 de janeiro de 2014. Foi num evento promovido por essa instituição que Ze fez sua última apresentação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você pode usar estes HTML tags e atributos: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>