Cadeira 74: Nicário Palmeira

 

 

Nicário Palmeira Honorato (Poeta do OITI) nascido em 03/06/1972 na cidade de Itaporanga-Pb, filho de Severino Honorato (in memória) e de Raimunda Palmeira da Costa Honorato, casado com a professora Maria do Socorro Silva Palmeira e pai de dois filhos: Maria Clara e Athos Palmeira. Além de Poeta é servidor público no Estado da Paraíba na função de Sargento da Polícia Militar da Paraíba. Escritor de Literatura de Cordel, tendo seu primeiro trabalho publicado em junho de 2011. O poeta do OITI recebeu várias homenagens nas áreas da Educação e Cultura do Estado da Paraíba.

Nicário Palmeira (Poeta do OITI) é amante da cultura brasileira e em especial da cultura nordestina. Estudioso e pesquisador dos artistas nordestino nos diversos campos, tais como literatura, poesia, música e outros.

Escritor de dois livros de cordéis:

“O amor e a Fé” (Publicado em junho de 2011)

“Drogas”?… Diga não. (Publicado em abril 2013)

Em 2014 teve seu poema “A droga é uma droga” publicado na Revista Jornal Mundo Jovem.

Sócio acadêmico da Academia Literária Cultural Artística de Itaporanga

Recebeu a comenda de Artista conterrâneo concedido pela FIP Faculdades Integradas de Patos-PB

Participou de Apresentação do Orçamento Democrático em Itaporanga no qual foi aplaudido pelo Governador da Paraíba e demais autoridade.

Participou da abertura das apresentações do momento cultural: Fogueira Cultural da Secretaria da Cultura do Estado da Paraíba em itaporanga-pb.

Recebeu Votos de Aplausos concedidos pela Assembleia Legislativa da Paraíba.

Teve um dos seus trabalhos selecionado para fazer parte do Projeto Cultural: ”Semeando Cultura de Paz na Escola” na cidade de Jequié-BA.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você pode usar estes HTML tags e atributos: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>